Como prevenir a osteoporose

Como prevenir a osteoporose

Com o envelhecimento a população cada vez mais precisamos enfrentar a luta contra as doenças da terceira idade para fazer com que as pessoas tenham uma velhice saudável. Nesse contexto informações sobre como prevenir doenças como a osteoporose são fundamentais.

 

A osteoporose (osso poroso) é uma doença caracterizada pela perda de massa óssea e por sua deterioração estrutural, o que leva a um aumento significativo no risco de fraturas.

Vários fatores estão envolvidos no desenvolvimento da osteoporose, alguns deles são hereditários e por isso não podem ser alterados. Mas muitos outros podem ser modificados, reduzindo as chances do seu aparecimento desde que haja uma prevenção precoce.

 

Como descobrir se tenho osteoporose?

A osteoporose pode ser considerada uma doença silenciosa, uma vez que a perda de massa óssea ocorre sem o aparecimento de sintomas. Muitas vezes as pessoas podem não saber que tem osteoporose até que seus ossos se tornem tão frágeis que uma pequena queda cause uma fratura na bacia ou de uma vértebra da coluna.

Por isso a partir 65 anos é necessário realizar um exame rotineiro para detectar a osteoporose. Esse exame é chamado densitometria óssea, e serve para medir a densidade dos ossos e diagnosticar se houve perda em sua massa.

 

Fatores de risco para a osteoporose

Algumas pessoas tem fatores de risco para a osteoporose sobre os quais não há controle possível. A mulher, por exemplo, tem uma propensão maior para a perda de cálcio do organismo do que os homens, fazendo com que essa doença se evidencie mais nelas.

Outro fator fora de controle é baixa estatura, que indica ossos menores e que por tanto podem sofrer danos mais graves por conta da doença.

Porem existem fatores que podem ser controlados como por exemplo tomar Sol em excesso ou ter uma proteção exagerada a ele. Ou ainda incluir pouco leite e derivados na alimentação.

O alto consumo de refrigerantes, a falta de exercícios físicos, o consumo reduzido de frutas e legumes, o abuso na ingestão de complexos vitamínicos, também são fatores críticos que podem precipitar o aparecimento da osteoporose.

Muitas pessoas com osteoporose apresentam vários desses fatores de risco, facilitando o seu diagnóstico. Mas, infelizmente, algumas pessoas podem desenvolver osteoporose sem nenhum fator de risco identificado, o que pode dificultar a percepção da doença por parte do médico provocando o adiamento do tratamento.

 

Como evitar a osteoporose

Um excelente ponto de partida para o combate a osteoporose entender melhor como funciona a parte óssea do nosso corpo.

O osso, além de promover sustentação ao nosso organismo, é uma estrutura viva que está sendo sempre renovada. Essa remodelação acontece diariamente em todo o esqueleto, durante a vida inteira.

É preciso saber então que no nosso organismo apenas 1% do cálcio está circulando livremente. E os outros 99% estão depositados nos ossos. Quando falta cálcio para que o organismo execute suas funções vitais as células vão até o osso e retiram o que é necessário.

Assim é travada uma batalha interna no nosso corpo, pois enquanto algumas células que precisam de cálcio destroem a massa óssea, as células do próprio osso tentam reconstruí-lo.

Esse processo de destruição e reconstrução acontece simultaneamente em diferentes partes do esqueleto. Se em um ponto o osso está sendo reabsorvido em outro está sendo reconstruído. Por isso, o esqueleto está sempre mudando, sendo renovado e se fortalecendo no adulto jovem, mantendo a massa óssea estável.

Dessa forma a osteoporose é o desequilíbrio desse processo, onde a remodelação não consegue acompanhar a velocidade da absorção, deixando o osso frágil. Assim a destruição supera a reconstrução.

Mas se uma quantidade suficiente de cálcio for armazenada ao longo da vida, essa perda será superada.

Por isso as pessoas devem modificar seu estilo de vida para diminuir o risco, consumindo mais cálcio, fazendo exercícios físicos regulares, e tomando sol na medida certa para aumentar a absolvição do cálcio consumido.

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *