Usando os cerais integrais na sua dieta

Usando os cerais integrais na sua dieta

Enriqueça sua dieta aprendendo sobre os benefícios dos cereais integrais

Os cereais integrais, além de fornecer energia, também são fontes de fibras, nutrientes, minerais (zinco, fósforo, magnésio), vitaminas e energia. Não é à toa que eles são considerados os queridinhos de todas as dietas e sempre são indicados pelos nutricionistas para quem quer ter uma alimentação balanceada e mais saudável.

Por isso quem quer cuidar alimentação ou quer emagrecer de forma rápida e saudável não pode esquecer que os cereais integrais são aqueles que contém o grão completo, com a casca e as sementes, e que por isso são nutricionalmente mais ricos do que os cereais refinados.

As fibras são substâncias que ajudam a regular o movimento intestinal e são benéficas para as dietas de emagrecimento porque diminuem a absorção de gordura, além é claro de proporcionar ao corpo maior sensação de saciedade após as refeições, resultando assim – no longo prazo – na redução na quantidade de alimentos (e de calorias) por refeição.

Apesar dos cereais serem de textura fina e serem enriquecidos com vitaminas, ferro e ácido fólico, é necessário monitorar o teor de açúcar. Portanto, um maior consumo de alguns cereais não é recomendado em uma dieta para emagrecimento.

Por isso você deve ficar longe de produtos como o pão branco, bolos e pão fatiado.

É preciso também saber dos malefícios dos cereais refinados, uma vez que as grandes empresas produtoras de grãos e cereais costumam refinar estas sementes para que durem mais tempo nas estantes e nas prateleiras das casas. As pessoas consideram que consumir este tipo de alimentos “polidos” é benéfico para a saúde (assim são anunciados os cereais nas suas caixas, embora na verdade sejam apenas uma mistura de farinha branca com açúcar e alguns elementos adicionados, que isolados não brindam nenhum benefício ao corpo). Na realidade, os cereais refinados foram despojados de quase todos os seus nutrientes, os quais são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

O processo de refinamento consiste em despojar a semente da sua casca, onde se concentra quase toda a fibra e os nutrientes do alimento, como proteínas, fibras, minerais e oligoelementos. Além disso, o açúcar dos cereais refinados não é facilmente assimilado pelo organismo, e termina se fermentando no aparelho digestivo. A longo prazo, isto facilita o aumento de peso e o esgotamento do pâncreas, o que pode favorecer o surgimento de diabetes.

De fato, segundo um estudo realizado na Universidade de Harvard, consumir arroz branco pode aumentar o risco de sofrer diabetes tipo 2, pois este grão refinado aumenta os níveis de açúcar no sangue.

Os cereais completos ajudam no processo digestivo (quando falta fibra no organismo, se produz a nada agradável prisão de ventre). Previnem o câncer, diminuem a quantidade de glicose e ácidos graxos no sangue e permitem manter um peso equilibrado (ao produzir sensação de saciedade no corpo, o que facilita reduzir a porção de comida).

Os cereais integrais também aportam zinco, magnésio e vitaminas B e E, que são antioxidantes, e ajudam a prevenir doenças cardíacas. E como se não bastasse, os carboidratos dos cereais com casca proporcionam ao corpo energia durante várias horas.

Desta forma pode-se dizer com toda certeza que a qualidade alimentar dos cereais integrais é muito superior à dos refinados.

 

 

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *