Alimentos que ajudam a combater o colesterol alto

Alimentos que ajudam a combater o colesterol alto

Hoje dia 8 de Agosto é o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, por isso vamos te dar algumas dicas de alimentos que podem te ajudar a combater esse vilão

Como já dissemos nesse outro artigo o colesterol é um tipo de gordura presente no organismo fundamental seu bom funcionamento, sendo que existem 2 tipos de colesterol, o colesterol bom (HDL) e o colesterol ruim (LDL).

O HDL ajuda a compor as membranas celulares o que é bom para o organismo, mas o  LDL entope as artérias, sendo considerado a principal causa de infarto agudo do miocárdio e de acidente vascular cerebral (derrame) isquêmico.

Por isso nesse Dia Nacional de Combate ao Colesterol nós do Blog Tá Agendado queremos fazer um alerta para que você possa se prevenir contra este vilão da saúde consumindo alimentos que ajudem a regular os níveis de colesterol ruim no seu corpo. Confira a lista abaixo:

Alcachofra
As fibras da alcachofra são resistentes à ação de enzimas presentes no estomago e por isso apresentam muitas vantagens para o organismo, entre elas se notabilizam a diminuição dos níveis de colesterol e triglicérides sanguíneos. Além da redução do risco de obesidade e diabetes, fatores de risco para a saúde do coração.

Laranja
Ao contrário do que muita gente pensa a laranja não é boa só para gripes e resfriados. Um estudo realizado pela Universidade de Viçosa, em Minas Gerais, e publicado na revista American Heart Association, concluiu que os flavonoides, substâncias antioxidantes presentes na fruta, diminuem os níveis de LDL no organismo, pois limitam a absorção do colesterol no intestino.

Linhaça
A semente de linhaça é um dos alimentos mais ricos em ômega 3, por isso, é responsável por prevenir doenças cardiovasculares, e evitar coágulos ao diminuir as taxas de colesterol total e de LDL colesterol (ruim) e aumentar as de HDL colesterol (bom). Os benefícios da linhaça se potencializam quando a semente é moída ou triturada, já que sua casca é resistente à ação do suco gástrico e passa sem sofrer digestão no trato gastrointestinal.

Canela
A conhecida especiaria muito usada na cozinha brasileira recentemente foi alvo de uma surpreendente descoberta, pois pesquisadores da Kansas State University, nos Estados Unidos, constataram que consumir meia colher de sopa por dia desta especiaria tem papel importante no combate ao colesterol ruim (LDL). Os pesquisadores acreditam que tal redução é resultado da ação dos antioxidantes presentes na canela.

Peixes
Ao comer peixe em geral se diminui o consumo de carnes vermelhas, ricas em colesterol. Isso por si só já garantiria aos peixes um lugar de destaque quando o assunto são alimentos que ajudam a combater o colesterol.
Mas além disso os peixes ainda são uma excelente fonte de ácido graxo ômega 3, um tipo de gordura boa, do tipo insaturada, encontrada nos peixes de água fria, como salmão, atum e truta. Sendo que a gordura insaturada ajuda na redução dos níveis de triglicerídeos e colesterol total do sangue; reduz o risco de formação de coágulos, além de tornar o sangue mais fluido; sendo, portanto, importante aliada na prevenção das doenças cardiovasculares.

Aveia
Além das fibras insolúveis, a aveia contém uma fibra solúvel chamada betaglucana, que exerce efeitos benéficos ao nosso organismo. Ela retarda o esvaziamento gástrico, promovendo maior saciedade, melhora a circulação, controla a glicemia (açúcar no sangue) e inibe a absorção de gordura (colesterol). Oleaginosas

Oleaginosas
Sementes oleaginosas como as nozes e castanhas apresentam grande quantidade de antioxidantes, responsáveis por combater o envelhecimento celular e prevenir doenças coronárias, além de diversos tipos de câncer. A arginina, também presente em quantidades interessantes nas oleaginosas, atua como importante vasodilatador, contribuindo para a redução do risco de desenvolvimento de doenças do coração.

Chocolate amargo
Trocar o chocolate ao leite pelo amargo pode trazer grandes benefícios uma vez que este é rico em flavonóide uma substância que comprovadamente diminui os índices do LDL

Azeite
O Azeite é uma fonte de ácido oleico, que regula as taxas de colesterol e protege contra doenças cardíacas. Faz bem ao aparelho cardiocirculatório e para controlar o diabetes do Tipo 2, reduzindo a taxa glicêmica. É também uma grande fonte de antioxidantes, como a vitamina E.

 

 

 

 

 

 

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *