Porque as Fibras Alimentares são essenciais para seu organismo

Porque as Fibras Alimentares são essenciais para seu organismo

Saiba como as fibras alimentares atuam em seu organismo e os benefícios que elas podem te trazer

 

Dando continuidade na nossa série sobre nutrição esportiva, nós que já falamos sobre os carboidratos , sobre as proteínas, e sobre o colesterol, hoje vamos falar sobre as Fibras Alimentares.

As Fibras Alimentares são substâncias de origem vegetal que não fornecem energia ao nosso organismo, mas que são essenciais ao funcionamento dos intestinos.

Elas atuam estimulando processos metabólicos do nosso organismo e são responsáveis por diminuir a absorção do colesterol, de gorduras e de açúcares, e causam sensação de saciedade prolongada, afinal, permanecem no estômago juntamente com os outros nutrientes por mais tempo, retardando a sensação de fome e o consumo de mais calorias.

As fibras alimentares não são digeridas pelas enzimas presentes no trato digestivo, por isso nosso organismo não absorve nenhuma de suas calorias, o que torna os alimentos ricos em fibras ideais para quem pretende emagrecer e cuidar da saúde.

Elas são encontradas em alimentos como frutas e verduras. Sendo que as chamadas fibras insolúveis, encontradas nos pães integrais, cereais, cenouras, couve e na casca da maçã, aumentam o trânsito intestinal, diminuindo a constipação.

Já as fibras solúveis, que têm como fonte a aveia, farinha de aveia, feijões, ervilhas, frutas cítricas, maçãs e framboesas, diminuem o trânsito intestinal, contribuindo para a qualidade de vida das pessoas que têm o intestino solto e frequentes diarreias. E ainda essas fibras têm efeito positivo sobre a mucosa e a micro biota intestinal, fortalecendo as bactérias benéficas, que são essenciais para proteger esse órgão contra infecções.

 

As Funções das Fibras Alimentares no organismo

Entre as funções das Fibras Alimentares no organismo é possível destacar que elas:

  • Estimulam a mastigação, e assim, a secreção da saliva e suco gástrico;
  • Enchem o estômago proporcionando uma sensação de saciedade;
  • Promovem regulação do tempo de trânsito intestinal, atrasando o esvaziamento gástrico, tornando mais lento a digestão e absorção;
  • No cólon devido a sua capacidade de absorver água, forma fezes volumosas e macias;
  • São substratos para fermentação por colônias de bactérias;
  • Atuam no metabolismo dos carboidratos no controle da glicemia formando um gel (pectina e goma) no intestino tornando mais lento a velocidade na qual a glicose entra na corrente sanguínea;
  • Atual na absorção e na regulação de lípideos sanguíneos as fibras insolúveis se ligam aos sais biliares e reduzem a absorção das gorduras e colesterol; as fibras solúveis diminuem especificamente o colesterol LDL;
  • São substratos para formação de ácidos graxos de cadeia curta.

Dicas para o consumo de Fibras alimentares

Uma dica que deve ser sempre seguida na hora de adicionar fibras alimentares à dieta é a de alimentar proporcionalmente o consumo de água. A hidratação do bolo alimentar é fundamental no trato intestinal, ajuda a aumentar a sensação de saciedade junto com as fibras que estarão em seu estomago, e impedem que haja uma constipação intestinal.

Outra dica é fazer o consumo de frutas e verduras ainda cruas, pois quando submetida ao cozimento, as fibras se degradam e perdem parte de sua ação.

Ainda falando sobre as melhores fontes de fibras alimentares é recomendado consumir cereais integrais ao invés dos refinados (pão e arroz branco por pão e arroz integrais). Quando consumimos cereais refinados, seus carboidratos são digeridos e absorvidos tão rapidamente que o organismo passa a armazená-los sob a forma de gordura.

É por fim é preciso lembrar que como qualquer outro nutriente, em excesso as fibras causam efeitos colaterais. O consumo de quantidades muito elevadas de fibras pode causar formação de gases e diminuição da absorção de vários micronutrientes, entre eles o cálcio, o zinco e o ferro.

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *