Qual o tratamento para queratose pilar

Qual o tratamento para queratose pilar

Saiba quais são as melhores formas de tratamento para queratose pilar

 

Existem duas formas de tratar a queratose pilar. No entanto, é importante dizer que o tratamento não é obrigatório pois, diferente de diversas doenças de pele, a queratose não é maligna. Você pode ter uma vida normal com ela. A diferença é que o portador vai ter “bolinhas” no corpo.

O tratamento nem sempre é eficaz para todas as pessoas no sentido de cura, mas ele melhora e muito o aspecto da doença, que é o principal motivo de muitas pessoas buscarem os dermatologistas.

Muitas vezes, a queratose pilar desaparece sozinha, sem que seja feita qualquer intervenção. Para aqueles que não desfrutam de paciência, ou que não possuem esta sorte, existem dois métodos que podem amenizar a doença:

Tratamento interno

É muito comum que os portadores dessa doença procurem diretamente por tratamentos de pele, o que não é surpreendente já que se trata de um problema na pele. No entanto, também é possível tratar o problema de dentro para fora.

Isso se dá porque o corpo humano precisa de diversas coisas para se manter saudável, mas nem tudo é tão simples, então tudo deve passar por diversos processos até chegar onde se faz necessário. Este é o caso das vitaminas A,D e K.

Estas vitaminas lipossolúveis são necessárias para manter a saúde da pele. Isso se dá através de membranas celulares que se mantém por meio destes lipídios (gorduras), deixando a pele mais hidratada.

Os alimentos que se deve ingerir para consumir as vitaminas que hidratam a pele são:

  • Bife de fígado bovino
  • A melhor maneira de se consumir a vitamina A é através da ingestão de carne de órgãos, principalmente o fígado bovino.
  • Vegetais em geral
    Não, os vegetais não possuem a vitamina A, como muita gente acredita. No entanto, eles possuem o beta-caroteno, que pode ser convertido em vitamina A pelo intestino.
    Entretanto, para quem não possui a flora em perfeito funcionamento, o consumo de vegetais em busca da vitamina se torna inútil.
  • Manteiga de gado de pasto
    A vitamina K pode ser encontrada na manteiga de gado de pasto. Isso é tão específico, pois a maioria dos gados abatidos e comercializados são alimentados com grãos, o que não é o ideal, já que os grãos destroem estas vitaminas.
    Enquanto isso, o gado que é alimentado apenas com a grama possui as vitaminas em abundância no seu organismo e, ao serem consumidos pelos humanos, os transmitem estas vitaminas.
    Não é apenas o gado que passa por este processo de destruição das vitaminas ao consumir grãos em excesso:, as pessoas possuem o mesmo problema. Por isso, é necessário saber balancear seu consumo.
  • Consuma peixes de água fria
    Peixes de água fria são ricos em ômega 3, o que ajuda a queratina a diluir-se no organismo,  evitando seu acúmulo. Alguns peixes de água fria são:

    • Atum;
    • Linhaça;
    • Salmão;
    • Nozes;

 

Tratamento externo

O tratamento tópico (externo), é feito em duas etapas:

  • Esfoliação

No processo de esfoliação, são retiradas as células mortas que estão atrapalhando a saúde da pele. Esfoliações fáceis de reproduzir são:

Esponjas de banho: O atrito da esponja na pele ajuda a remover as células mortas. É importante não usar buchas, pois elas são muito abrasivas e, ao invés de melhorar, podem piorar a condição;

Banho com sabonete esfoliante: Atualmente, são comercializados diversos sabonetes com pequenas sementes, que esfoliam a pele enquanto o sabonete a limpa;

Esfoliante de açúcar: Este método é mais agressivo que os outros dois acima, então só deve ser feito duas a três vezes ao mês.

  • Hidratação

Assim como a esfoliação, existem diversas maneiras de hidratar a pele com queratose. As mais indicadas pelos dermatologistas são:

Recorra ao uso de cremes a base de uréia:

A uréia é um dos componentes do Fator Natural de Hidratação (NMF) do manto hidrolipídico da pele. Quando usada diretamente na pele, ela aumenta a capacidade de hidratação da derme (pele).

Passe hidratante todos dias:

O resultado esperado é que as bolinhas sejam reduzidas. Isso pode acontecer quando a pele está extremamente hidratada. Para isso, é recomendado passar o hidratante corporal nas áreas afetadas pelo menos 2 vezes ao dia.

Hidrate-se no banho:

Durante o banho, utilize sabonetes de aveia ou de leite de cabra. O sabonete de aveia esfolia e hidrata, enquanto o de leite deixa as protuberâncias mais macias.

Use um hidratante com ácido lático:

O ácido lático ajuda a desfazer a queratina que se acumula na pele.

Tome banho de leite:

Por conter o ácido lático, o banho de leite ou com leite diluído em água ajuda a desfazer a alta concentração de queratina. Este é um procedimento que se pode realizar regularmente.

Aplique hidratantes que contenham vitamina A:

Esta vitamina é uma importante aliada ao combate a pele seca.

Use o iogurte como hidratante:

O iogurte contém ácido láctico, que diminui o ressecamento da pele e proporciona alívio de excesso de queratina.

Passe de 3 a 4 colheres de iogurte sobre a área afetada, depois de 15 minutos retire o produto com água morna ou fria.

É recomendável se secar com um tecido maleável e macio, para que não haja atrito incômodo para as bolinhas.

Faça máscaras com ácido acetilsalicílico (Aspirina):

Use ácido acetilsalicílico para acalmar a irritação e a vermelhidão na área. Esmague alguns comprimidos e adicione uma quantidade igualitária de água sobre o pó obtido, fazendo uma máscara para a região afetada.

Esfregue suavemente e deixe repousar por alguns minutos, depois lave com água morna ou fria.

Aplique óleo de coco:

Não é de hoje que o óleo de coco é indicado para a hidratação. Comumente prescrito para hidratar o cabelo, este óleo também pode ser muito útil para quem possui queratose pilar.

Além de possuir lipídios que hidratam, ele tem propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias, o que auxilia a prevenir inflamações nas bolinhas.

Utilize vinagre de maçã orgânico:

O vinagre de maçã, que também é utilizado para cuidados capilares, é mais um entre os aliados de quem tem queratose pilar. Ele é anti-inflamatório e possui grandes propriedades para limpeza.

Para usá-lo, é simples: em um recipiente pequeno, adicione o vinagre de maçã e, com o auxílio de um algodão ou tecido igualmente macio, aplique-o sobre a região afetada.

Aguarde alguns minutos e enxágue com água morna ou fria. Também é possível adicionar 1 ou 2 colheres do vinagre durante o banho de banheira.

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *